quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

3ª sessão: Fábio fala sobre as obras da região norte

Em seu discurso, na sessão ordinária desta quinta-feira, o vereador Fábio Fiedler (PSD) ressaltou as obras que estão sendo feitas e as que estão programadas para a região norte da cidade. “Temos que mostrar através do planejamento e ações que estamos pensando no desenvolvimento daquela área, sim, apesar das críticas”.


PROLONGAMENTO DA VIA EXPRESSA
Fiedler destacou que a assinatura da ordem de serviço para o prolongamento da Via Expressa até a Vila Itoupava demonstra o quanto o governador Raimundo Colombo está preocupado com Blumenau. “O projeto de engenharia é fundamental para estar adequado para captar recursos internacionais. Os índices de comparação de investimento que a China e Índia fazem em infraestrutura é bem diferente daqui. Lá é de 10% e aqui no Brasil não chega a 0,36%”.

DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO NORTE
Segundo Fábio, o viaduto da Via Expressa será o primeiro efetivo da cidade, com alças de acesso a BR-470. “Apesar de contarmos com o viaduto da Mafisa, o viaduto Honorato Tomellin será o primeiro efetivo. O prolongamento da Via Expressa até a Vila Itoupava dá demonstração clara de que não só no planejamento, como nas ações, se pensa no desenvolvimento da região norte”.

TRANSPORTE COLETIVO
Em outro momento, o parlamentar também abordou a tarifa do transporte coletivo. “O valor da tarifa foi uma batalha muito grande. A negociação é histórica, a dificuldade, anseios da comunidade e das empresas. Quando as empresas apresentaram a necessidade de aumentar para mais de R$ 3, o prefeito mostrou indignação igual a da população e hoje fixou em R$ 2,90. É muito aquém do que as empresas gostariam. Mas temos que lembrá-las que houve um ganho significativo através dos corredores de ônibus. Parabenizo o Seterb e Conselho Municipal de Trânsito pela transparência no processo”.

ESPORTES RADICAIS
Por fim, o vereador destacou a relevante participação da União Blumenauense de Esportes Radicais na sessão ordinária desta quinta-feira. “A obra ainda está no seu período de garantia. Pedi, então, a Fundação de Esportes, que converse com a empresa responsável pela obra para fazer as melhorias e consertos”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário