quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

5ª sessão: Fiedler elogia operação da Guarda de Trânsito

O vereador Fábio Fiedler (PSD) elogiou nesta quinta-feira (16), em seu pronunciamento, as operações realizadas pela Guarda Municipal de Trânsito no bairro da Velha. De acordo com o parlamentar, todos os dias pela manhã os guardas estão fazendo uma operação para organizar o trânsito de vários bairros. Um deles é o da Velha, na rua João Pessoa.

OPERAÇÃO NA RUA JOÃO PESSOA
Segundo Fiedler, “das 7h às 8h, através de cones, os agentes de trânsito transformam parte da  rua João Pessoa, melhorando o fluxo de veículos. Causa um impacto positivo para quem se dirige ao centro. Precisamos melhorar e ampliar esta operação”.

ALTERAÇÕES
O líder do governo também afirmou que o executivo está analisando três possíveis alterações: a extensão do horário até 8h30; ao final da operação, estreitar a sinalização da travessia para que não se tenha o afunilamento de carros no final do percurso; a mesma operação no sentido inverso, às 18h, quando o mesmo fluxo retorna ao bairro. “Com certeza, a população só tem a ganhar”.

AMIGUINHO FELIZ
Em outro momento, o parlamentar ressaltou a comemoração dos 30 anos da Casa de Apoio Amiguinho Feliz. “Vemos o espírito blumenauense naquela instituição. Começou pequenininha e cresceu bastante. Hoje a dona Úrsula, com a sua equipe, atende 180 crianças, muitas no contra turno escolar. Eles ficam do maternal até entrarem nas escolas. É uma instituição exemplo para a nossa cidade”.

ÁREA AZUL
Por fim, Fiedler falou a respeito do projeto Área Azul. “Demos um passo importante no final do ano com a aprovação da proposta. No futuro, as monitoras poderão nos dar um feedback maior sobre as mudanças. O que já sabemos é que índice das ‘amarelinhas’ diminuiu mais de 50% em função das pessoas comprarem o cartão com antecedência. A lei nova traz muitos benefícios. Porém, temos que cuidar com as concessões, como a moto entrega. Qual o direito que este profissional tem diferente daquele que trabalha com entrega de carro? Temos que cuidar com a demagogia política. Não podemos dar benefício a um em detrimento a outro. Os taxistas, nem no seu ponto, nem no embarque e desembarque, pagam área azul. O bom funcionamento não é afetado pela área azul. Agora, se o táxi é chamado e fica esperando alguém por cinco, dez minutos, e a monitora passar por ali, ele estará ocupando um espaço da rotatividade. As leis são feitas para ser ajustadas com as características de cada cidade, mas não podemos fazer demagogia política”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário